As Meninas do Apê.


 

Gostaríamos de informar que nosso novo endereço de blog é :

www.garotasdoape.blogspot.com

Gostaríamos de também pedir desculpas pelo transtorno causado e dizer que não vamos fazer isso sempre, mas dessa vez foi necessario!

Motivo? Incompatibilidade intelectual ...

Contamos com vocês!  



Escrito por Vai saber... às 00h38
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Puts, sei que esse blog não é muito estilo "diarinho" mas putaquepariu!!!  Que trabalhinho de corno esse que eu arrumei, não que eu esteja extremamente insatisfeita... mas trabalho é trabalho...

Vou tentar explicar basicamente como é o meu trabalho: Eu trabalho com mais umas 7 mulheres e além de homens não ser maioria os homens são novatos, sendo assim ficam meio que obrigados a ficarem dependentes da gente... e é claro e óbvio que abusamos do pequeno grão de poder que nos dão.. eu por exemplo vivo "pedindo" para pegar café para mim (quando os mesmos estão saindo de sala) enfim... eles sofrem um bocado... e homens adoram isso né??? rs

Acontece que nós estávamos desconfiados da masculinidade de um deles e isso tem lá os seus fundamentos, a empresa em si nada é preconceituosa e simplesmente em uma conversa nada a ver praticamente obrigamos o menino a admitir que era gay e o bichinho ficando azul-fúcsia-neon-escarlate negando, e a gente ficando puta... porque é claro que estamos com a porra da razão.... somos todas as donas absolutas da razão, ele começou a rir e entendemos isso como um belo e sonoro sim... ou seja, fulaninho já foi taxado de viado... coisas do trabalho rs.


Nós somos conhecidas pelo deboche e altíssimos graus de palavrão por frase, portanto imagine a seguinte cena:

Conversinha mulherzinha das cálegas de trabalho: olha o creme que eu comprei!!! hummm tem cheiro de peixe... ECAAA!!!

A outra: Não, tem cheiro de bunda!!! Como assim cheiro de bunda??? Ué cheiro de bunda velha...

-Vc já cheirou alguma bunda velha??

- Não né!! (?) Mas é que imagino que seja assim...

-Ah tá! Mas já imaginou se a gente conseguisse cheirar a nossa própria bunda?

*Eu saí de perto tendo um ataque de risos....

Isso sem falar de conversas bem piores que eu não vou relatar aqui porque não sei quala faixa etária de quem frequenta (alguém lê essas merdas?)

 

Cris - a louca.

 

 



Escrito por Vai saber... às 19h43
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Demoramos algum tempo para ensinar para a nossa cadelinha de estimação que ela devia fazer suas necessidades no jornal, porém de vez em quando ela faz no tapete por birra...

E hoje em especial minha mãe a viu fazendo essa tolice e como intençao de assusta-la ela foi jogar a sandalia que usava no chão, quando ... numa mira espetacular ela joga com muita força a tal sandalia no pé da minha irmã e foi quando essa lembra da Avaiana de Pau e disse :

“ Eu aprendi que quando as cadelas fizerem xixi no meio da cozinha a culpa é minha ... “

 

"Avainaaaaaa de Paaaaaau , eu amo avaina de pau puquê ensina as quinça , bate nas quinça, as quinça aprende na mara, se não aprende morre !!! Ô lalaia!!!!"

 

É de extrema importancia, para entender esse post, que o leitor tenha visto esse episodio, então aí segue este:

http://http://www.fabricadequadrinhos.com.br/mundocanibal/episodios/show_episodio.php?id=205

 



Escrito por Vai saber... às 20h38
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Ensinamentos ...

 

Esse final de semana que passou, parecia um final de semana normal, porem eu não poderia imaginar que iria ter uns dos ensinamentos mais fabulosos da minha vida todaaaa !!!!

Tudo realmente parecia normal, Cristal estava lendo, lendo, lendo e lendo e eu no computador, computador, computador, computador. Passei  no quarto para pegar meu pijama e quando estou indo me direcionar ao banheiro eis que a Cristal fala : “ Carol, só vou ler mais um pouquinho e daqui a pouco já vou arrumar minha cama, tudo bem ? “ – falou lendo e lendo falou... e eu respondi : “ Tudo bem, sem problemas, ainda vou tomar meu banho! “ e assim fui eu ...

Quando retorno para o quarto, já preparada para me jogar na cama eis que encontro a dita cuja com um tapa olho e ainda assim com o livro colado na cara, quando vi essa cena pensei:

“ Acho que ela ainda não percebeu que colocou o tapa olho e está se esforçando para conseguir ler e está vendo tudo preto... “ – logo em seguida achei melhor parar de tentar entender o que nunca se vai conseguir entender de verdade ...

Acordei-a e eis o ensinamento que levarei eternamente para minha vida, passarei para meus filhos e ainda ensinarei para os meus netos:

“ Aprende Carol, aprende a melhor técnica para ler!”

“Qual é a técnica?”

“ Ler de olhos fechados ... “

 

Acontecem coisas loucas na minha vidaaa ...

 

Ps: Queria deixar aqui uma resposta para a nossa leitora Paula: Esse blog é comunitário, não é da Cristal e não é da Carol , é da Carol e da Cristal, ok ?

 

Beijos para todos os nossos leitores ! 

 

Ass: Carol



Escrito por Vai saber... às 19h14
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Eu durmo com o Cole Sear - o menino do filme O Sexto Sentido.

Eu estava lá tranquilona dormindo e sonhando com pães fofinhos quando... alguma coisa estranha acontece e me faz abrir os olhos... imaginem a cena: minha irmã estava debaixo do lençol tipo "cabaninha" com uma luz azul na cara... minha primeira reação foi querer gritar... mas algo me fez olhar melhor... a criatura estava passando mensagens para o namorado (por isso a luz azul... do celular) às 5:30 da matina... pensei até que ela fosse dizer: "Eu vejo pessoas mortas..." juro que se ela fizesse mesmo isso eu dava um mortal-triplo-carpado-twist pela janela e ela iria mesmo ver uma pessoa morta... eu estatelada lá em baixo...

Tenho que me cuidar... não posso morrer do coração tão nova...

 

Up: Esse template roubado feioso vai ficando por aí até eu ter tempo de fazer um... aliás... quem quiser fazer um e mandar de presente eu agradecerei para toda eternidade...

Cris - a louca.



Escrito por Vai saber... às 12h55
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Volteiiii!!!! Eu andava com preguiças, mas .... eu continuo com preguiça, mas nada melhor que postar no trabalho para matar o trabalho...

São tantas coisas bizarras que acontece na minha vida que se eu fosse recapitular o que anda acontecendo não teria dedos suficientes para digitar... enfim...

Estou morrendo de sono aqui, é sexta-feira e sexta-feira não é dia de trabalhar e tenho dito. Por isso eu fico com um sorriso "monalisa" no rosto quando vejo meu gerente me vendo digitar furiosamente e pensa: "Meo Deus como essa menina trabalha"... eu fico tão filizi!

Agora chega pq eu não consigo pensar em nada muito interessante para dizer... só penso em pães fofinhos e uma cama.... calma, não é nenhuma tara sexual...

Beijundas

Cris



Escrito por Menina nº1 às 10h45
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





Eu até agora não havia me pronunciado, mas acho um absurdo ser apedrejada, atacada e nada fazer, aliás não sou mulher disso.
Essa pessoa que escreveu todas as essas sandices abaixo, não tem amor aos próprios dentes.
Vou começar do começo para todos os meus milhares (uma pessoa) de leitores entendam o que quero dizer...
Para começar, eu era de uma cidade do interior e vim morar no Ridijaneiro, após muitas adaptações, cá estamos nos dando muito bem....
Tenho sim algumas sandices, mas não podemos exagerar.
Carolina é uma menina loura, e isso explica muitas coisas...
Ela sonha que eu me mato e a culpa é minha?!?!?!
Eu vi sim senhoritas um ar-condicioado redondo e não apenas uma única vez! Deve ser coisa de gente chique, pois aqui no prédio, ninguém tem um desses...
Com o tempo, iremos contar todas as histórias bizarras que acontecem nessa apartamento... mas tem uma que eu não posso deixar passar.
Quando eu vim morar aqui, eu deveria estar com uma doença cointagiosa, pois ninguém queria dormir comigo e olha que eu nem ornco ein!
Carolina criou uma manina ótima para a coluna... dormir no sofá.
Depois que me curei de tal doença imaginária, ela foi dormir comigo... bom, encurtando a história, um dia eu acordo e vejo ela no sofá! Isso não é nada, porém eu tentava levar ela para cama e LADA! Com mil cacetes voadores, munida de muuuita coragem, resolvi fazer o que é proibido... pegar o coração de pelúcia que o namorado deu para ela e sair arrastando para a cama... a cena foi bizonha, imagina um cachorro atrás do osso... eu ia pegando o coração e falando... "olha só quem vai para a cama... nhém nhém nhém.." e o mais bizarro... ELA VEIOOO!!!!
Não aguentei e caí na gargalhada!!
Quando tiverem problemas parecidos em casa, já sabem o que fazer...
Enfim... coisas estranhas acontecem na minha vida.
Segue abaixo as fotos da "isca".

Beijundas

Cristal - a louca.

Escrito por Menina nº1 às 20h32
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Cuidado! Pessoas caindo...



Essa noite sonhei que a Cristal se jogava do 14º andar.
Motivo do suicídio: leu na revista Veja que sua mãe e seu ex-marido tinham morrido!
Muita atenção aos detalhes do sonho : a última coisa que ela falou depois que leu a reportagem foi somente: “eu não vou agüentar! Cuide do meu cachorro!" e se jogou. Minutos depois fui até a sala e olhando para minha mãe e minha irmã disse: “A Cristal se jogou pela janela.” ( assim... como quem comenta que o dia está quente ou está frio, como se fosse normal...).Seguido de meu aviso à campainha tocou e quando abri a porta era ela com somente um machucado de leve na cabeça e nada mais! (depois analisando meu sonho vi que se eu estivesse no play eu iria me perguntar: o que é isso? Um avião? Um passarinho? E depois que a visse levantando, sem nenhum ferimento a não ser um machucadinho de leve na testa, mesmo depois de ter caído do 14ºandar, chegaria então a conclusão de que não era um avião e nem muito menos um passarinho, mas sim a mulher maravilha, porque pqp!).
Quando o susto do pesadelo passou, comentamos todas sobre a falta de lógica que havia em meu sonho e comentamos também sobre alguns pontos que até agora são perguntas que não querem calar, vai ai algumas delas:

1- Porque se jogar do 14º andar porque seu ex-marido morreu? (Não deveria estar feliz por isso?).
2- Porque houve um ferimento em sua testa ? Será que ela chegou com um machucado porque bateu na ponta de algum ar-condicionado quadrado? (Se todos aqui nesse prédio tivessem o ar condicionado redondo, no qual comentei no post anterior, ela estaria salva e sem nenhum se quer machucado!).
3- Porque a morte deles saiu em uma revista famosa como a Veja? (Que a gente saiba a mãe dela e nem muito menos o triste do ex-marido dela são artistas para saírem na revista Veja! E o mais louco é que em todas as bancas de jornal eles eram assuntos de primeira pagina!).

No dia seguinte pedi que ela ligasse para a mãe dela para saber como estava e então que es uma das maiores surpresas! A mãe dela estava tão mal, mas tão mal que estava comendo bobo de camarão, com um refresco e tomando solzinho na beira da piscina! (Ta bom... ta bom... tudo bem... talvez eu esteja aumentando um pouco, mas só um pouquinho e quer saber? Ela merece! Acreditem a morte dela foi terrível!).

Precisava postar sobre esse sonho e sobre os nossos loucos comentários!
Agora vou indo...

Mil beijocas.
Carol


Escrito por Menina nº1 às 21h32
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]






Tudo estava tranqüilo aqui nesse apertamento, quando uma amiga de infância de minha irmã se mudou pra cá.
Desde então meus dias e minhas noites não são mais as mesmas.
Com o passar do tempo nos tornamos grandes companheiras e amigas (podendo até dizer irmãs de consideração mesmo). Como companheiras e amigas marcamos de um domingo qualquer irmos a praia quando ela ( recém chegada do interior ) olha para cima e se depara com um , segundo ela, ar condicionado redondo! (Sabe quando um extraterrestre vai pela primeira vez a um shopping e vê aquele treco subindo sozinho e abduzindo pessoas até o andar de cima e exclama: Nossa! Acho que tem alguém querendo disputar forças comigo?!?! Ou então aquelas pessoas quem vem de cidades pequenas e quando olham para aquela esteira que não tem nem botão para parar pra poder subir olha e muito surpreso comenta : Uai sô, comê que é que entro nesse trem?!?! Então... foi mais ou menos nesse estilo!). Depois de ter descoberto um ar condicionado redondo, fui mostrar para ela uma grande minhoca de metal (não pensem besteira, é só o metrô!) em dia de reveillon em Copacabana, ou seja, TRAUMA TOTAL! Eu quase via nos olhos dela uma pergunta do tipo: “Não existe nenhum tipo de meio de transporte que possa ser tão grande e tão mais cheio que esse não?”. Alguns meses seguiram e comprei um perfume em uma dessas revistas aonde não se tem a mínima idéia de cheiro a não ser, no Maximo, uma mistura do cheiro do perfume com o cheiro do papel da revista, enfim. Comprei então esse tal perfume e eu toda boba fui mostrar para ela, pois não gostei da fragrância desde quando ela me vem e fala: “Eita! Que cheiro de mexerica!” (quer comentário mais típico de quem veio de cidade do interior?).

Resolvemos então fazer esse blog para registrar os momentos mais cômicos de toda essa longa historia... Espero dar boas gargalhadas ainda!


Escrito por Menina nº1 às 23h03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
Votação
  Dê uma nota para meu blog